Postagens

Mostrando postagens de Maio 8, 2014
Imagem
Como vou?
Vou do jeito que dá.
Vou remando
Vou a nado
Vou correndo
Vou deitada
Vou devagar
Vou ... v o a n d o
Vou firme
Vou derrapando
Vou discreta
Vou alardeando
Vou correndo
Vou pedalando
Vou escrevendo
Vou poetando...
Mas vou. Vou bem.
Vou bem do jeitinho que a vida me ensina à ir
Quem quiser vir comigo, é só me seguir.
Por onde ando nem sempre a terra é macia.
Às vezes é pedregosa demais.
Dá até calo nos pés.
Mas a mão que me sustenta, me dá força e orienta.
Vez ou outra me levanta do chão.
Que é para sarar meus pés e acalmar meu coração.
Deus é maravilhoso, não!?



────────────── laura méllo
Imagem
Quero um pouco de cada coisa.
Um pouco de cor, um pouco do preto e branco.
Um pouco da terra, outro tantinho do céu.
Um pouco de água, um pouco de sequidão.
Um pouco de frieza, e um bocadinho de emoção.
Um pouco de vida, e também de morte.
Um pouco de coisa sem graça, outro pouco de arte.
Um pouco de sossego, e de agonia.
Um pouco de palavras sem rimas, outras de poesia.
Quero muito de mim pra ofertar um pouco à ti.
Se não posso me dar como um todo.
Que fique em você, de mim um pouco!



────────────── laura méllo
Imagem
Não moça! 
O amor não se mata.
Então por que planejas o matar?
Tu planejas em vão. 
Melhor sossegar teu coração.



────────────── laura méllo
Imagem
“ Não tenho asas, 
Mas tenho, um desejo enorme de voar. 
E de tanto desejar, sei que vou. 
E não há quem possa me segurar. ”



────────────── laura méllo

Imagem
“ Vou planejando ser feliz. Enquanto planejo, Sou! ”
laura méllo
Imagem
Por que o amor é tão imprevisível?
Porque a gente nunca sabe de quem vai gostar.
laura méllo

Imagem
Que o desejo, o atrevimento, o vigor, assim como o amor,
não se perca com o passar do tempo.
Que a gente possa reViver todas as atitudes inesperadas do passado, como se fossem pela primeira vez.
laura méllo


Imagem
Ela se alegra, 
e chora
Sofre, 
e chora.
Sente dor, 
e chora.
Nada sente,
e chora.
Chora,
pelo que não tem.
Agradece o que tem,
e chora.
Lê,
e chora.
Escreve,
e chora.
É um eterno inverno, que nos seus olhos mora...



────────────── laura méllo
Imagem
Tem flor no cabelo...
Tem olhar com desvelo...
Tem letras saindo dos dedos...
Tem um coração aberto dizendo: - Amor? Aceito!...
Tem palavras que tocam...
Tem braços que afagam...
Tem espaços no peito...
Tem passos que nos caçam...
Tem gestos que enlaçam...
Dessa moça, sai poesias que abraçam!

ღ ✿ ღ ✿ ღ

────────────── laura méllo
Imagem
Na verdade, ando "concordando" com muita coisa 
que na verdade não concordo.
Não é lá muito do meu feitio, sabe!
Mas ando fingindo essa concordância como uma forma de paz.
Se você diz que ama maçãs e não suporta nem o cheiro delas,
não serei eu que vou fazer você dizer sobre a sua intolerância as maçãs.
Quando as pessoas não assumem quem são, o que sentem, o que realmente pretendem,
elas inventam estórias mirabolantes e querem porque querem fazer
os outros acreditarem também.
Porque eu acho que elas mesmas "acreditam" nas estórias que inventam.
Então, acabo concordando com elas.
Eu jamais conseguiria ser indelicada com alguém dizendo:
Você está mentindo pra si mesma e ainda tem a petulância de mentir pra mim?
Acho que pessoas assim, precisam de um encontro com Deus,
de aceitar e assumir o seu Eu.



────────────── laura méllo
Imagem
Tem barulho demais nesse silêncio.
Tanto barulho assim, eu não aguento!
Ah pensamentos ... Por favor, 
Dá pra fazer um silencioso silêncio!? 
laura méllo


Imagem
Você consegue me fazer feliz,
mesmo estando a quilômetros de distância.

Posso te agradecer por isso?
laura méllo