Postagens

Mostrando postagens de Julho 20, 2014
Imagem
E o coração?

─ Ele ainda apanha, e se defende, 
b a t e n d o !

♡ 

| Laura Méllo
Imagem
MELANCOLIA, companheira fiel dos meus dias.

♡ laura méllo
Imagem
O que senti hoje?

─ Que você não sente mais.

♡ 

| Laura Méllo
Imagem
Não é fácil
Sentir o teu tocar
E saber
Que não estais aqui...

♡ 

| Laura Méllo
Imagem
Sou uma criatura moldável.
Ninguém jamais me verá sempre do mesmo jeito.
Se você prestar um pouco mais de atenção,
verá que aquele defeitozinho de fábrica de ontem, 
hoje, jã não existe mais não!


Laura Méllo
Imagem
[fotografia: laura makabresku ]Gosto de voos que eu possa sentir o chão
Gosto de sentir a firmeza nos meus pés
Gosto da certeza da (não) queda
Gosto quando Deus me pega pelas mãos
Gosto da forma que me conduz
Gosto do gosto de sentir a Sua luz
Gosto quando a vida é branda comigo
Gosto de sentir um abraço amigo
Gosto de dias que terminam e de noites que não passam
Gosto de gostar de tudo e todos que me enlaçam
Gosto do som do coração
Gosto quando minh'alma entoa uma suave canção
Gosto da fantasia que eu possa tocar
Gosto mais ainda de com ela poder dançar...



| Laura Méllo


Imagem
O amor não é resistente ao tempo.
Ele é insistente todo o tempo.

♡laura méllo
Imagem
Deus, me diz:
Para onde devo ir?

Psiu! 
Te aquieta pensamentos.
Coração, vê se faz silêncio.

Eu preciso
Deus,
ouvir...



| Laura Méllo
Imagem
Quantas fantasias 
já vividas por debaixo dos lençóis... 
Quantas dores
já não embrulhei e lágrimas sequei...
Quantas manhãs
eu já não planejei e todas elas frustrei...
Quantas luas
todas nuas, despidas de solidão, eu já não abracei...
Quantos lençóis
por causa de mágoas e frustrações, eu já não rasguei...
Quantas estrelas
os meus lençóis já não contaram...
Quantos sonhos secretos,
secretamente, perdidamente já não me amaram...
Quantas noites
ainda terei, até que os dias sejam literalmente claros...?!

Que bom que lençóis  não falam!



| Laura Méllo
Imagem

Imagem
E você pensa que não aguenta, que não vai conseguir suportar.
Daí, quando você menos espera, olha pra trás 
e vê que já passou, que aguentou, que suportou.
E uma lição você tira da vida: 
Que nada dura mais do que seja necessário durar.
A começar pela própria vida.



| Laura Méllo •/
Imagem
Escrevo
falando de amor, 
do meu amor...
Espero sinceramente 
que algum dia, ele me leia
e veja o quanto eu já o amava, 
antes mesmo dele chegar.
E se de repente
a sua viagem for longa demais,
e ele se cansar,
caducar e nunca chegar,
que fique registrado
e por mim assinado
o quanto o desejei,
o amei,
o cuidei
e o santifiquei.
Sim, eu jamais o maculei.
Que fique registrado
o quanto por mim ele foi,
é, e sempre será amado...
E que outras bocas não beijei,
pois nunca me aventurei.
Te espero amor, sempre e pra sempre te esperarei!



| Laura Méllo •/
Imagem
Se pensar demais enlouquece,
creio que eu já seja uma doida varrida.
Que descarrega todos os seus surtos de loucura, através da escrita.

♡ 

| Laura Méllo •/
Imagem
É curioso, como os anos passeiam livremente dentro de mim.
Meu Deus, pode até ser uma ilusão ou um sonho meu,
mas sinto que ainda me cabe tantos anos.
Há folgas, há grandes espaços a serem preenchidos, eu sinto isso.
A sede que tenho de viver é tão imensa,
que nem toda a água doce do planeta conseguiria a matar.
É muita sede de ter, de ser, de doar, de ser amada, de amar,
de sonhar e realizar.
Sei que não morrerei com a boca seca, sedenta por vida.
Pois cada espaço meu ainda vazio, no cantinho de cada um,
existe a vontade de Deus, e que uma a uma será estabelecida.



| Laura Méllo •/